Efeito do exercício terapêutico resistido em membros inferiores associado ao exercício aeróbico, no controlo da hipertensão arterial de idosos
pdf
XML

Palavras-chave

exercício aeróbico
exercício resistido
hipertensão arterial
exercício terapêutico
idoso

Como Citar

Anna Fabiani Gomes Miranda, & Mariana Cervaens. (2023). Efeito do exercício terapêutico resistido em membros inferiores associado ao exercício aeróbico, no controlo da hipertensão arterial de idosos. RIAGE - Revista Ibero-Americana De Gerontologia, 4. https://doi.org/10.61415/riage.88

Resumo

O objetivo do presente estudo foi realizar um estudo randomizado controlado, sobre o efeito do exercício físico resistido em membros inferiores (MMII) associado ao aeróbico em indivíduos idosos portadores de hipertensão arterial no município de Araruama, Brasil. Um total de 43 indivíduos selecionados para o estudo, com uma média de idades 68,44 ± 3,94 anos, sendo 17 indivíduos do género masculino (39,5%) e 26 do género feminino (60,5%), foram randomizados e alocados de forma aleatória, e divididos em dois grupos (Grupo controlo, n=21) e (Grupo experimental, n=22) com os quais foram executados dois programas de exercício terapêutico: o grupo de controlo caminhada e o grupo experimental caminhada e exercício de treino resistido nos MMII, durante 12 semanas, três sessões por semana com duração de 60 minutos. Todos os indivíduos passaram previamente por tomada dos dados sociodemográficos e de aferição da pressão arterial e realização de uma repetição máxima. A pressão arterial sistólica, diastólica e média foram avaliadas no início e no fim da intervenção para análise estatística. O exercício resistido juntamente com o exercício aeróbico teve um efeito hipotensor na pressão arterial sistólica, diastólica e média enquanto o exercício aeróbico apenas não teve apenas efeito hipotensor na pressão diastólica.

https://doi.org/10.61415/riage.88
pdf
XML