DO ENVELHECIMENTO DEMOGRÁFICO À INSTITUCIONALIZAÇÃO
PDF
XML

Como Citar

Pedrosa, B., Pocinho, R., Margarido, C., & Fincias, P. (2024). DO ENVELHECIMENTO DEMOGRÁFICO À INSTITUCIONALIZAÇÃO. RIAGE - Revista Ibero-Americana De Gerontologia, 5. https://doi.org/10.61415/riage.231

Resumo

O envelhecimento não é apenas definido pela idade cronológica, mas sim o resultado de todo o percurso de vida, isto é, uma relação multidimensional entre as vivências pessoais e o contexto social e cultural, estando intrinsecamente envolvidos diversos aspetos, tais como: biológico, cronológico, psicológico e social. O presente artigo tem como principal objetivo evidenciar o envelhecimento da população no território português, assim como elucidar o papel da institucionalização no processo de envelhecimento. Não sendo o envelhecimento um processo linear e homogéneo é crucial considerar todas as singularidades de modo a adequar uma intervenção eficaz e promotora de um envelhecimento bem-sucedido. O envelhecimento demográfico está tendencialmente a aumentar bem como a diversidade de necessidades aumenta, requerendo assim a necessidade de considerar a singularidade de cada pessoa idosa de modo a adaptar os projetos de vida e de integração.

https://doi.org/10.61415/riage.231
PDF
XML